Nenhum usuário logado Login / Cadastro
   Seu navegador está desatualizado e não possui capacidade para visualizar todos os recursos deste Site
   Recomendamos Mozilla Firefox, Chrome e Safari.
aguarde

Permissões no Linux

30/01/2013

Permissões de arquivos


Um dos motivos do Linux ser um sistema muito seguro é o sistema de
permissões de arquivos que utiliza, nesse sistema é possível determinar
o que o Dono, Membros do grupo, e outros usuarios podem fazer com
determinado arquivo.


Já ficou claro que no linux todo arquivo tem família, no momento de sua
criação são determinados alguns ítens que podemos ver digitando um
“ls-l” (igual ao dir ) no prompt. O resultado é + ou – esse:


lrwxrwxrwx 1 edily edily 8 2010-07-01 20:08 Incoming -> Incoming

drwx------ 2 edily edily 4096 2010-07-11 17:51 ln-dados

-rw-r--r-- 1 edily edily 453997 2010-07-26 14:07 maicon


A interpretação é a seguinte:


1 2 3 4 5 6 7 8 9 10

lrwxrwxrwx 1 edily edily 8 2010-07-01 20:08 Incoming -> Incoming


legenda:

1: Tipo do arquivo “d” diretório / “-”arquivo / “l” link


2: Esse é o ítem mais complexo, é assim:


Os 3 primeiros caracteres representam as permissões do dono do arquivo,
os 3 do meio as do grupo dono do arquivo (membros que fazem parte dele)
e ao 3 últimos as dos outros usuários (Que não são donos nem parte do
grupo)


dono grupo outros

rwx rwx rwx


O “r” diz que pode ser lido, o “w” que pode ser escrito e o “x” que pode
ser executado.


Agora é que complica mais um pouco, você pode mudar essas permissões,
(desde que seja o dono ou o root) com o comando “chmod” ex:


chmod 777 cesar. sh (essa é a forma mais usada)


Cada número representa um trio “rwx” que por sua vez tem um valor
numérico pra cada letra, o “r” vale 4, o “w” vale 2 e o “x” vale 1,
então é só somar os itens que você quer que sejam autorizados e chegará
a um número ex:


O primeiro 7 do nosso exemplo acima se refere ao dono, o outro ao grupo
e o ultimo aos outros.


7 = 4 (“r”)+2(“w”)+1(“x”), ou seja o 7 diz que pode tudo

5 = 4 + 1, esse só pode ler e executar

1 só pode executar


então se eu digitar:

chmod 750 cesar.sh o dono pode tudo, o grupo pode apenas ler e executar
e os outros não podem nada.

As permissões padrão do Linux oferecem uma segurança nativa, mas para
trabalhar num ambiente de rede com o máximo de flexibilidade e segurança
é aconselhavel o uso de ACLs (Parecido com as permissões ntfs do
Windows)

-fim-
 

 

Comentários


Voltar
 
Desenvolvido por JeitoDigital  
Jeito Digital - - ©2012 - Todos os direitos reservados
w3c html5 acesso restrito Free DNS